Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

20 dezembro 2016

Dor na canela

Entenda sobre a canelite

As dores na canela acontecem em diferentes fases da vida. É claro que em muitos casos o incômodo é inofensivo e provocado por excesso de caminhadas ou, por exemplo, a utilização de calçados inadequados, sendo tratado com repouso e pausas nas atividades.

Se as dores forem intensas e persistirem mesmo após a realização de atividades físicas, esteja atento, você pode sofrer de canelite.

A canelite é o nome de um processo inflamatório que afeta a tíbia, os músculos e os tendões que envolvem a canela. A condição, identificada formalmente como periostite medial da tíbia, ocorre com muito mais frequência em corredores de maratonas, principalmente quando as distâncias são médias, ou longas.

Seja você um atleta ou não, é bom saber quais são as principais causas da canelite para ter o conhecimento do problema, saber informar ao médico com mais clareza na hora da consulta e também buscar algumas medidas para prevenir as chatíssimas dores.

Saibam quais são as principais causas da canelite

Má formação dos pés (problema de nascimento) – As pessoas com os pés chatos geralmente, ao caminhar ou correr, colocam muita força na canela e isso poderá provocar inflamações.

Fraqueza muscular – Em decorrência da falta de exercícios físicos (sedentarismo), ou algum outro agravante de saúde há grandes chances da fraqueza muscular nas coxas e panturrilhas agravar casos de canelite. A falta de alongamento antes de caminhadas e exercícios também é um causador.

Postura errada ao caminhar – A maneira de caminhar pode relacionar-se diretamente com a ocorrência de dores futuras e o estresse demasiado na região da canela favorece a incidência de incômodos fortes na região.

Correr em pisos duros – A prática de corridas em terrenos muito duros, como concretos, é um obstáculo nocivo à canela em função do atrito, que é até 3 vezes maior, que em pisos mais macios.

Escolha errada do tênis – Se o impacto em pisos rígidos prejudica a estrutura óssea e as articulações da canela, o uso de tênis errados (mal conservados, ou de qualidade precária) contribui com o surgimento de lesões. Escolha modelos com bons amortecedores e de marcas confiáveis.

Quais são os tratamentos mais indicados para a canelite?

Após consultar o fisioterapeuta o seu quadro clínico será verificado para que o melhor tipo de tratamento seja indicado.

Fisioterapia: A rotina fisioterápica é útil para minimizar as dores provocadas pelos traumas na canela. O número de sessões varia de acordo com a gravidade da inflamação na canela.

Uso de meias de compressão: Essas meias especiais melhoram a circulação sanguínea na área afetada e minimizam o inchaço na canela.

Tratamento especial com ondas de choque: esse tratamento consiste na penetração de energia mecânica no tecido danificado pela lesão. Ele gera a liberação de micro substâncias que melhora a circulação de sangue na área afetada.

Dicas para a prevenção da canelite

A prevenção de basicamente todos os tipos de dores passa por cuidados simples no dia a dia. Mesmo que alguns processos inflamatórios sejam evidenciados após determinada rotina específica, como a de alguns atletas, por exemplo, é viável seguir padrões certos de exercícios e até adotar alguns hábitos que podem ser muito bons para melhorar a musculatura da área.

– Use calcanheiras em corridas: as calcanheiras minimizam o impacto das pisadas na região do calcanhar, o que também ajuda a prevenir a canelite.

– Faça exercícios de alongamentos: Antes da corrida, alongue bastante a região da panturrilha.

– Aumente de forma moderada o ritmo e intensidade de exercícios: não é de uma hora para outra que você irá virar um corredor de alto nível. Todo esforço descomunal aumenta consideravelmente chances de lesões, portanto, seja cauteloso na atividade física e aumente paulatinamente o ritmo.



←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo