Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

25 novembro 2016

O que é herpes zóster?

Muito conhecido como cobreiro ou cobrão, herpes zóster é uma patologia causada pelo vírus varicela-zoster o mesmo causador da catapora.

Seus sintomas mais aparentes são o surgimento de erupções vermelhas e dolorosas, que nunca ultrapassam a outra parte do corpo.

Os locais mais afetados são tronco, pescoço, face e normalmente os sintomas desaparecem em poucos dias. Apesar de não existir cura, o tratamento disponível é através de medicamentos que aliviarão os sintomas.

O tratamento deve ser feito da maneira correta para evitar complicações mais graves

1) Quais são as principais causas?

Herpes zóster é causado pelo vírus varicela-zoster, o mesmo vírus responsável por provocar a catapora. Essa condição ocorre em pessoas que contraíram varicela e que por algum motivo o vírus ficou adormecido no nervo afetado. Depois de um tempo esse vírus reativa e se transforma em herpes zoster.

Não se sabe ao certo o que leva a esse surto, mas acredita-se que seja devido a alguma deficiência no sistema imunológico. Geralmente 20% das pessoas contraem essa condição ao longo da vida.

Vale lembrar que o vírus de herpes zóster não é o mesmo causador de herpes labial e genital.

2) Quais são os sintomas?


Os sintomas iniciais são formigamento e dor, eles ocorrem num período de 2 dias após a contaminação. Logo se percebe uma febre baixa e o surgimento de bolhinhas de água.

Esses sintomas progridem para erupções vermelhas, cheias de líquido, que cocam e evoluem para uma dor intensa e queimação. Os locais mais afetados são tronco, coluna vertebral, face e orelhas. Normalmente, depois de 7 dias os sintomas desaparecem.

Outros sintomas podem surgir, como:
  • Dor de cabeça
  • Fraqueza
  • Febre
  • Fadiga
  • Calafrios
3) Como diagnosticar?

Para o diagnóstico, uma avaliação física pode identificar a patologia. Porém, para uma melhor consulta o médico solicitará seu histórico médico e fará perguntas sobre quão grave são os sintomas.

Pode ser necessário realizar uma biopsia que nada mais é que coletar uma amostra de pele ou do líquido das bolhas. Essas amostras são enviadas a um laboratório onde serão realizados testes para confirmar a presença do vírus.

4) Quais são os fatores de risco?

Os seguintes grupos de pessoas estão em maior risco de serem contaminadas:
  • Qualquer pessoa que tiver contato direto com um portador de catapora.
  • Não estar imunizado por meio de vacinas.
  • Ser portador de HIV ou câncer.
  • Se estiver tratando com quimioterapia ou radioterapia.
  • Fazer uso de medicamentos esteroides.
  • Ter idade superior a 60 anos, geralmente os idosos são mais suscetíveis a complicações devido ao sistema imune frágil.
  • Apesar de ser rara a contaminação, mulheres grávidas também estão em um grupo de risco.
5) Quais são os tratamentos?

Infelizmente, não existe cura para herpes zóster. O tratamento realizado é para aliviar os sintomas e desconfortos do paciente.

Medicamentos para uma rápida recuperação serão prescritos, são eles:
  • Aciclovir
  • Dexametasona
  • Betametasona
Já para diminuir a coceira e a dor o médico irá receitar Tylenol-paracetamol. Nunca se automedique e siga as orientações médicas.

Outras medidas simples podem ser tomadas para aliviar a coceira e dor, como:
  • Descanse
  • Aplique loções calmantes.
  • Aplique compressas frias sobre as bolhas.
  • Tome banho com ervas de propriedade calmante.
  • Após o período se 10 dias, se os sintomas não desaparecerem procure o medico novamente.
6) Quais são as complicações que a Herpes Zóster pode causar?

Quando não tratado corretamente pode haver complicações sérias como as citadas abaixo:
  • Lesão no olho, principalmente se houver erupções na face.
  • Síndrome de Ramsay Hunt, responsável por causa paralisia facial, tonturas e perda auditiva.
  • Infecção bacteriana, onde a pele fica sensível, vermelha, quente e inchada.
  • Pneumonia
  • Inflamação do cérebro
  • Inflamação da medula espinhal.
7) Como prevenir?

A prevenção começa desde criança ao tomar as 2 doses da vacina contra catapora. Isso imunizará seu corpo contra o vírus.

A partir de 2014 já é possível encontrar vacinas específicas contra herpes zóster, ela é aplicada em dose única em pessoas acima dos 50 anos. Se planeja engravidar certifique de se vacinar contra catapora.

Herpes zóster é contagioso, então tome os seguintes cuidados para evitar contaminar outros:
  • Cubra as erupções abertas
  • Lave sempre as mãos
  • Tenha seus próprios objetos de higiene
  • Corte o contato com quem nunca teve catapora

Veja também a entrevista com o médico dermatologista sobre a herpes zóster:


Fonte:



←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo