Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

16 novembro 2016

O que é cifose, sintomas, tratamentos, tipos e cura

O que é cifose?

Popularmente conhecida como cifose, na Medicina chama-se de hipercifose. Está associada à coluna vertebral, que possui quatro curvaturas fisiológicas: lordose cervical, cifose torácica, lordose lombar e cifose do sacro.

A cifose, considerada doença da coluna, pode estar relacionada com outras doenças como: o dorso curvo postural, juvenil (doença de Sheuermann, tem início na adolescência) e doenças reumatológicas da coluna.

A principal característica da cifose é o curvamento na região da cifose torácica, causando uma corcunda. Essa curvatura na coluna vai variar de paciente para paciente, existem as curvaturas posturais e as de doenças adquiridas.

Qual profissional devo procurar?

O profissional que vai diagnosticar a cifose é o ortopedista, especialista responsável por tratar das doenças e deformidades dos ossos, músculos, ligamentos e articulações. Ele poderá solicitar radiografias ou outros exames de imagem.

Como identificar?

Como a cifose não apresenta sintomas, o paciente deve buscar um médico se notar alguma deformidade no corpo, como:
  • Deformidade rápida em alguma região da coluna.
  • Emagrecimento sem relação à mudança de hábitos alimentares.
  • Sensibilidade ou fraqueza nos membros inferiores.
O médico responsável poderá solicitar uma radiografia simples da coluna vertebral, se o caso for mais grave o paciente poderá realizar exames de tomografia computadorizada e/ou ressonância magnética.

Tipos de cifose

Existem apenas dois tipos de cifose:
  • Primário ou cifose idiopática
Quando diagnosticada em seu início, de caráter benigno. Divide-se em leve, moderado e grave, quando grave pode haver comprometimento pulmonar.

Secundário

Deformidade em estado severo, relacionada a outras doenças como fraturas, doenças reumatológicas e tumores.

Quando ocorre algum desvio da coluna, ele pode se tornar uma hipercifose, hiperlordose ou escoliose. Conheça a seguir sobre cada uma.

Hipercifose

Também conhecida como cifose ou dorso curvo, ocorre pelo excesso dela, ou seja, é o exagero da curvatura posterior, atinge a região torácica da coluna.

Quando falamos de hipercifose, encontramos algumas das suas causas, veja a seguir.

Dorso curvo juvenil:

De origem postural. Considera-se a curvatura leve quando até 50º e moderada quando superior a 50º. Neste caso a cirurgia é raramente indicada.

Doença de Sheuermann:

Tem origem no cunhamento vertebral. Considera-se curvatura leve quando até 50º, moderada entre 50º e 70º e severa quando superior a 70º. Indica-se a cirurgia para os casos de curvatura média e severa.

Paralítica:

Origem neuromuscular. De cunho miopático e neuropático, a cirurgia só é indicada quando diagnosticada precocemente.

Congênita ou adquirida:

Tem origem inflamatória. São agudas ou crônicas, a cirurgia é indicada nos casos com quadro neurológico ou progressivo.

Pós-traumático:

Quando proveniente de fraturas, estas agudas, instáveis ou crônicas. A cirurgia é realizada quando são progressivas.

Hiperlordose

Ou lordose, é o exagero da curvatura anterior normal para frente, atinge as regiões cervicais e lombares.

Escoliose

Desvio patológico lateral da coluna vertebral. Caracterizada pela flexão lateral ou rotação das vértebras, atinge a coluna.

Qual a relação com a cifose de Scheuermann?

É uma das causas mais comuns da cifose. Um problema no desenvolvimento da coluna vertebral do paciente, a doença de Scheuermann causa a má postura dolorosa, o que raramente acontece na hipercifose. Ela geralmente ocorre na puberdade, por ser a fase na qual os níveis de hormônio do crescimento aumentam, e o indivíduo tem tamanho anormal em comparação a outros de mesma idade. As causas são desconhecidas, contudo, outro possível fator é o genético. O diagnóstico e o tratamento são os mesmos da hipercifose, porém, realizados com mais cautela pelo especialista.

O que causa?

Sua causa ainda é desconhecida. O quadro clínico costuma iniciar na adolescência, alguns estudos relacionam suas possíveis causas à má postura, herança genética e até mesmo após um evento traumático (seqüela de fratura vertebral). Ainda há a possibilidade de desenvolvimento da cifose, em casos raros, por infecção na infância, tumores, má formação congênita, doenças neuromusculares e reumatológicas.

Quais os sintomas?

Não existem sintomas. Os pacientes normalmente reclamam da má estética que a doença provoca. Casos de dor foram registrados quando a deformidade estava muito severa, em pessoas idosas porque os ossos enfraquecem ou depois de prática intensa de atividades físicas.

Cifose tem cura?

Sim, por meio de cirurgia para corrigir a coluna, porém, em casos especiais. O paciente pode conviver com a doença fazendo o acompanhamento do desenvolvimento clínico dela, por meio de atividades físicas para fortalecimento e alongamento da musculatura e do dorso.

Como tratar?

Não há tratamento específico para a cifose por meio da administração de remédios. Contudo, para pessoas idosas pode ser necessário o uso de remédios voltados para a osteoporose, como suplementos de cálcio. Para casos de dor, que são raros, o médico poderá recomendar Paracetamol e anti-inflamatórios como o Ibuprofeno, que atuarão no alívio da dor.

Na maioria dos casos recomenda-se sessões de fisioterapia, uso de colchões e palmilhas firmes, dieta rica em cálcio e vitamina D.

Alguns exercícios recomendados são:
  • Musculação: voltados para fortalecer os músculos e corrigir a postura (como os abdominais).
  • Natação, hidroginástica ou remo: auxilia no fortalecimento dos músculos, trabalhando os ombros a fim de corrigir a postura.
  • Alongamento: trabalha a flexibilidade da coluna vertebral e alivia dores nas costas provenientes da má postura.
Como prevenir?

Apesar de não saber as causas, aconselha-se cuidar da postura desde quando ainda criança e se tiver qualquer estranhamento na coluna, consulte o médico!

A cirurgia é indicada nos casos das deformidades graves, progressivas e dolorosas, sendo esses casos raros e especiais. O paciente poderá, inclusive, ser submetido ao uso de parafusos e barras de titânio.


←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo