Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

27 setembro 2016

O que acontece com seu corpo quando você pula refeições

É terrível o sentimento de culpa por comer demais ou pelo doce extra ingerido após o almoço quando se persegue o objetivo de perder peso.

Mas pior ainda é tentar compensar o deslize atrapalhando a programação de refeições. Quando se está em uma dieta balanceada com três, cinco ou seis intervalos para alimentação ao longo do dia, buscar "pagar" o excesso cometido suprimindo uma dessas refeições é uma tática condenada ao fracasso.

Embora pular uma refeição seja capaz de trazer algumas consequências de imediato, isso não apresentará consequências graves à saúde se for um episódio eventual. Porém, se for repetido com frequência, há grandes chances de causar problemas ao organismo. Um dos danos que pular refeições de forma crônica pode produzir é a Cetose, um processo em que o corpo metaboliza gordura para obter energia. Ainda que isso possa parecer desejável à primeira vista, ela pode ter efeitos colaterais como náusea, constipação, fadiga, estresse renal e pressão arterial baixa. Além disso, se seu corpo se adaptar à Cetose, isso vai retardar seu metabolismo fazendo com que perder peso fique bem mais difícil.

Veja a seguir o que pode acontecer a seu corpo se você ficar pulando refeições.

1) Desequilíbrio hormonal

Se você pular uma refeição por dia, o cortisol em seu corpo irá aumentar. Isso faz com que o nível de ansiedade seja ampliado. A insulina também irá crescer. Depois, diminuir drasticamente fazendo com que os níveis de açúcar no sangue fiquem instáveis. De acordo com o livro "Eating on the Run", de Evelyn Tribole, a oferta de glicose em uma refeição pode comprometer o desempenho do cérebro por quatro ou seis horas após o período da alimentação.

Se os níveis da glicose ficarem muito baixos, isso fará com que o corpo recorra a métodos menos eficientes para manter os processos vitais funcionando. Isso causará cansaço, poderá deixá-lo mais lento ou mal-humorado, afetar sua memória, concentração e desempenho mental ou físico.

2) Problemas com a digestão

O intestino se habitua a trabalhar durante o dia. Quando você pula uma refeição, ele não tem nada para processar. Para seu metabolismo e sistema digestivo, o ideal é realizar cinco refeições por dia, sendo três principais e dois lanches.

3) Conservando a gordura

Pular uma refeição vai confundir o seu corpo. Como não houve entrada de calorias, o que significa energia, ele interpretará que você está morrendo de fome. Ou seja, que não deverá queimar calorias, pois elas serão necessárias no futuro. Dessa forma, começará a armazenar gordura em vez de gastá-la. Quem pensa em pular refeições como forma de emagrecer, consegue justamente o resultado contrário em médio e longo prazo.

4) Esgotando o organismo

O metabolismo é desacelerado com o ato de pular refeições, fazendo com que você se sinta mais cansado. Apenas retomar a rotina de refeições regulares fará com que o metabolismo volte ao hábito de queimar calorias gerando mais energia para o corpo.

As refeições regulares também mantêm os níveis de energia equilibrados ao longo do dia. Ao pular uma delas, se você se exercita com frequência seja com o objetivo de manter a saúde ou de perder peso, pode ficar mais propenso a ignorar o treino.


5) Percepção alterada

Isso pode até surpreendê-lo, mas o simples fato de pular a refeição é capaz de dar ao cérebro a percepção errada de que alimentar-se não é sua prioridade. E isso não é bom para sua saúde em geral.

6) Perda de força muscular

Uma equipe de pesquisadores do hospital da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, examinou os músculos de oito homens saudáveis antes e depois de um jejum de 72 horas. Depois de saltar refeições por três dias, eles tiveram uma significativa redução na atividade motora e no crescimento das células musculares.

Obviamente, isso foi uma condição extrema e com um período grande de jejum, mas perder refeições de forma periódica pode causar danos na força muscular, ainda que em proporções menores.

7) Pagando a conta

Não há como evitar. A última e mais grave fase da decisão de pular refeições de forma automática é comer demais para compensar. Como geralmente a refeição que é deixada de lado é o almoço, come-se em excesso normalmente à noite, no jantar. Isso acaba por resultar em dor abdominal e gerar mais gordura e excesso de peso.

Se você pulou uma refeição por falta de tempo, para evitar comer demais mais tarde, se antecipe e tente encaixar um lanche saudável no lugar.



←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo