Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

15 maio 2016

5 alimentos que diminuem as dores nas articulações

Tudo estalando e as articulações começam a nos lembrar de que elas existem...

As articulações são conexões naturais existentes entre dois ou mais ossos. São também estruturas complexas que incluem extremidades ósseas, cartilagem, membrana sinovial, ligamentos e tendões. E é graças a elas que conseguimos nos mexer.

Nossos joelhos são bons exemplos de articulações móveis e provavelmente é neles que você pensou quando iniciamos este assunto.

Dores nas articulações podem ser graves o suficiente para limitar os movimentos. Podem ser causadas por uma série de lesões ou doenças e, independentemente da causa, podem ser muito incômodas.
Em geral, uma dieta pobre e a genética que lhe predisponha a danos podem fazer suas cartilagens não suportarem os impactos que naturalmente acontecem no dia a dia.
A boa notícia é que você pode diminuir as chances de dores unindo bons hábitos com certos alimentos essenciais.
Fizemos uma seleção de 5 alimentos para auxiliar na diminuição das dores articulares.
Confira!

Azeite de oliva: pesquisadores da Universidade de Catânia, na Itália, em um estudo com animais, adicionaram azeite de oliva extra virgem na dieta. Depois de oito semanas de dieta, os ratos tinham níveis significativamente mais elevados de uma determinada proteína no fluido sinovial, que protege a cartilagem e serve como um lubrificante, em comparação com os animais alimentados com uma dieta padrão. Azeite de oliva fica ótimo quando combinado  com molhos para saladas, massas e vegetais salteados.

Iogurtes e leites fermentados: esses alimentos são ricos em lactobacilos, uma variedade de probióticos. Os probióticos são microrganismos vivos capazes de nos beneficiar. Estudos sugerem que o fornecimento de probiótico pode ser uma terapia auxiliar adequada para os pacientes com artrite quanto ao alívio dos sintomas e melhora das citocinas inflamatórias.
Assim, os lactobacilos podem ser vistos como um potente nutracêutico, atuando na redução da dor, das reações inflamatórias e da degradação da cartilagem.
Prefira as versões de iogurtes e de leites fermentados sem adição de açúcar.

Laranjas: o efeito se deve aos bioflavonoides do citrino. Os bioflavonoides dão cor ao caule, às cascas, às folhas, às flores, aos frutos, às raízes e às sementes das plantas e protegem o organismo contra a ação dos agentes oxidantes. Estes antioxidantes são conhecidos pelas suas propriedades em dilatar os vasos sanguíneos e em promover uma circulação saudável, bem como promover um efeito preventivo anti-inflamatório dentro do organismo.
A camada branca que fica abaixo das cascas das frutas cítricas é uma boa fonte. Use laranjas inteiras em smoothies para obter teor máximo de bioflavonoides.

Salmão: esse peixe é uma ótima fonte de gordura ômega-3. Estudos com suplementação de ômega-3 mostram que essa gordura desencadeia uma série de reações que levam a uma menor inflamação das articulações, especialmente para as pessoas que sofrem de artrite. Também podemos utilizar sardinha e atum. E não para por aí. Encontramos ômega-3 também na linhaça e na chia.

Cúrcuma: o açafrão é rico em um potente antioxidante chamado curcumina que mostra atividade antioxidante e anti-inflamatória quando usado como remédio para a prevenção e para o tratamento de doenças crônicas, assim, pode diminuir a quantidade de compostos inflamatórios em células de cartilagem. A cúrcuma também se mostra benéfica para a diminuição da glicemia e para o controle de colesterol. Adicionar cúrcuma ao final das preparações como no arroz, no feijão e em molhos para saladas, além de muito saboroso, ainda protege você.

Agora que você conhece os alimentos que podem ser seus aliados contra as dores articulares, não espere acontecer, previna-se e inclua esses alimentos em seu cardápio. Tem jeito mais gostoso de cuidar da saúde?


←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo