Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

08 junho 2015

Chá de quebra-pedra – Benefícios e propriedades

Recebi uma indagação sobre o Chá de Quebra Pedra para cálculos renais e depois de várias pesquisas vou compartilhar com vocês os benefícios do Quebra Pedra para a saúde. 

Quebra Pedra é o nome popular de uma planta, cientificamente chamada Phyllanthus. Esta erva apresenta uma extrema capacidade de adaptação, podendo suportar locais muito adversos, na maioria das vezes com baixo nível de umidade e nutrientes.



É comum se alastrarem nas rachaduras e frestas dos muros e calçadas: quem observa pode pensar, que foram elas que provocaram as rachaduras para poder brotar. É justamente por essa característica que surgiu o nome popular "quebra-pedra" (em espanhol, é conhecida como "chanca piedra").

A medicina popular brasileira utiliza esta planta como auxiliar no tratamento de problemas relacionados ao aparelho urinário e também no combate a problemas estomacais.

O nome Phyllanthus vem do grego phyllon (folha) e anthos (flor), em referência às flores produzidas em ramos que se assemelham a folhas compostas. A maior parte do gênero é de origem paleotropical, com cerca de 200 espécies distribuídas pelas Américas, principalmente Brasil e Caribe.

Cerca de onze espécies atingem latitudes temperadas, mas não são encontradas na Europa e na costa pacífica do continente americano. No Brasil, as espécies mais conhecidas e chamadas popularmente de quebra-pedra ou erva-pombinha são as Phyllanthus niruri L. Phyllanthus amarus Schum. & Thonn e Phyllanthus tenellus Roxb. Müll. Arg, reconhecidas popularmente por suas propriedades diuréticas. 

A espécie de Quebra Pedra mais facilmente encontrada no Brasil - e também a mais utilizada - é a Phyllanthus niruri. O uso praticamente se restringe à medicina popular, uma vez que quase não são vistas espécies deste gênero utilizadas como ornamentais.


O chá de quebra-pedra, receita passada de mãe para filha e divulgado popularmente para combater os doloridos cálculos renais, ganha comprovação científica. Mas é importante ressaltar que não funciona exatamente como prega a crença popular, quebrando as pedras dos rins. 

O chá de quebra pedra não quebra e nem dissolve pedra nos rins, apenas ajuda a evitar que os cálculos se formem. 
Pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) estudaram a Phyllantus Niruri, nome científico da planta da qual é feito o chá, e chegaram à conclusão de que realmente se trata de um chá muito eficaz para evitar a formação de pedra nos rins, mas não para eliminá-la depois de formada.

Fica evidenciado que uma das formas de se evitar a formação de pedra nos rins é o uso do chá de quebra pedra, o qual, não serve para o tratamento de cálculos renais já formados, mas quando utilizado regularmente, pode impedir a formação de novos cálculos renais.

Esse chá também tem outras indicações e, segundo registros, já era usado por indígenas para algumas delas
  • Infecções urinárias;
  • Edema nefrítico;
  • Antibacteriano;
  • Câncer;
  • Antialérgico;
  • Diabetes;
  • Purificante do fígado;
  • Infecções de garganta;
  • Anti-inflamatória.
Modo de uso da quebra-pedra
As partes usadas da quebra-pedra são suas flores, raízes e sementes.

Chá de quebra-pedra: Ferver por 10 minutos, em 1 litro de água, 10 g de flores secas de quebra-pedra. Consumir 2 a 3 xícaras por dia.
​​
O chá de quebra-pedra não deve ser tomado por mais de 21 dias, pois pode ser tóxico. Por isso, recomenda-se tomar o chá por até 3 semanas, fazer uma pausa de 1 semana e, então, voltar a tomar o chá.

Resumo: O chá de quebra pedra pode ser útil para evitar a formação de cálculo renal, mas não serve para quebrar e nem eliminar as pedras quando já estão formadas.


←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo