Arquivo do blog

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

Tecnologia do Blogger.

Atenção:

Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais: III - a citação em livros, jornais, revistas ou qualquer outro meio de comunicação, de passagens de qualquer obra, para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor e a origem da obra; as imagens deste blog são retiradas da internet, se quiser credito pela autoria ou quiser que remova, é só entrar em contato conosco.

Importante:

As informações e sugestões contidas neste blog têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Seja + Um

Pesquisa

Arquivo

Seguir po Email

Tradutor

Calcule seu IMC

Calculadora IMC
Peso: kgs
Altura: m cm

19 maio 2015

Os benefícios e sabores de uma alimentação natural

Cada vez com mais adeptos, a alimentação natural deixou de ser uma moda exótica para ser incorporada por todos os tipos de públicos. A busca de produtos integrais virou uma verdadeira febre, que pode ser sentida, por exemplo, nas bancas do gênero no Mercado Público.

Grãos e cereais integrais lideram esta busca de alimentos ricos em fibras, vitaminas, minerais e substâncias bioativas originais do alimento, além da vantagem de não conterem aditivos químicos. Eles colaboram na prevenção e no tratamento de diversas doenças crônicas causadas, em sua grande maioria, por uma alimentação errada.

Até os anos 70 a alimentação natural era tida como hábito de um público alternativo, também conhecido como naturalista e ecológico. Aos poucos, contudo, ela foi ganhando espaço e conquistando mais adeptos, ao mesmo tempo em que estudos científicos passaram a comprovar a sua eficácia e importância para a saúde humana.

Conhecendo alimentação natural integral
Entende-se alimento natural e integral aquele que é minimamente processado, o mais próximo de sua origem possível, sem aditivos químicos como corantes artificiais, conservantes, aromatizantes, entre outros. Ou seja, mantém praticamente intactas suas principais camadas, que por sua vez, têm funções específicas, tanto para o alimento, quanto para uma dieta equilibrada. 

No caso dos grãos naturais integrais, por exemplo, eles preservam não apenas a camada interna onde estão os carboidratos, proteínas e alguns micronutrientes do grão, mas também o farelo e o gérmen, onde se concentram as vitaminas, minerais e outros nutrientes pouco encontrados nos produtos refinados. Isto faz com que a alimentação natural integral seja baseada em alimentos mais próximos de sua natureza, preservando o equilíbrio original dos nutrientes e das substâncias bioativas.

Efeitos e benefícios na saúde
Estudos recentes mostraram que os alimentos integrais podem favorecer, não apenas a perda de peso, que também acontece no caso de tratamentos com dietas hipocalóricas em geral, mas favorecem especificamente a perda de gordura na região abdominal. 

Importante lembrar que a gordura aí localizada é responsável pela produção de substâncias pró-inflamatórias, que aumentam o risco de problemas como o diabetes do tipo 2 e problemas cardiovasculares. Além desses efeitos, os alimentos naturais integrais também ajudam a tratar e prevenir:
    Hipertensão, obesidade, osteoporose, problemas respiratórios e alguns tipos de câncer.

Não basta ser integral, tem que ter segurança alimentar
De algumas décadas para cá a procura por produtos integrais aumentou consideravelmente. E cada período tem o produto da vez, como o arroz integral, a aveia, a farinha de linhaça e recentemente a ração humana que despertou muito interesse e procura. Mas não basta apenas ser integral; é preciso verificar a sua procedência e processos manipulatórios para que o produto chegue ao consumidor final com todas as suas propriedades e benefícios intactos e seguros. 

Engenheiro de Alimentos, responsável técnico e um dos sócios da Bioprim, empresa de produtos naturais, Kelvin Hoffmannl, é categórico: “Fazer um produto necessita muito mais do que aparenta”. Antes muito ligados às sabedorias e crendices populares, hoje os produtos integrais têm as suas propriedades cada vez mais cientificamente comprovadas.

Para ele é preciso que os produtos comercializados estejam dentro das normas da legislação vigente de segurança alimentar, do início até a expedição para o mercado. Explica que é preciso fazer uma seleção dos fornecedores, o controle analítico e de recebimento dos produtos, da produção, da higiene pessoal, do controle das pragas. 

O seu sonho como engenheiro da área era o de levar saúde para as pessoas através dos alimentos. Por isto, quando encontrou as parcerias certas, abriu a Bioprim, empresa que procede o completo rastreamento dos seus produtos, como os cuidados com a água, procedimentos, manejos dos resíduos e análises normais do produto acabado. Ou seja, não adianta comer linhaça, uma das atuais campeãs de preferência, se ela contiver agrotóxicos e micotoxinas cancerígenas, por exemplo. 

Para ele o consumidor final tem papel fundamental, verificando, principalmente a procedência do produto e todos os requisitos necessários. Estar bem embalado isenta de contaminações, ter procedência de um produtor que possui boas práticas agrícolas, como controles de pragas são alguns dos mais importantes.

Todo o cuidado no beneficiamento dos grãos
A matéria-prima, informa, vem principalmente do interior do estado e da região metropolitana. E grande parte de São Paulo e do exterior. O processo inclui a recepção dos grãos e sementes que são colhidos, limpos e ensacados. As empresas de beneficiamento, depois da compra realizam o processo da limpeza e classificação, para serem enviados aos consumidores finais. 

O importante neste ciclo é ter uma estocagem correta. Umidade, por exemplo, pode produzir micotoxinas nocivas, assim como fungos. Portanto, o local apropriado, com ventilação, é fundamental para a estocagem, segurança e qualidade final do produto. “Os grãos respiram. Se não tiver ventilação podem aquecer e fermentar. O grão passa por um refinamento, onde é classificado e limpo”, informa o engenheiro. Assim resulta num produto limpo e também com menos carga microbiológica.

Todos os produtos naturais como fibra de maracujá, fibra de trigo, aveia, linhaça, açúcar mascavo, levedo de cerveja, entre outros, devem ser elaborados com cuidado em todo o processo, do início ao fim, visando obter alimentos com ótimas características sensoriais de cor, aroma, gosto, atendendo os padrões de identidade e qualidade do produto e isento de contaminantes que possam fazer mal ao consumidor final.

Alimentação natural, vital para evitar doenças
Citando Marcio Bontempo, médico considerado o introdutor da medicina científica natural do Brasil, o engenheiro vê grandes problemas na maneira como a grande maioria das pessoas hoje se alimenta. “A gente não tem mais tempo nem para fazer uma alimentação correta, pela pressa. Acabam faltando vitaminas, minerais”, diz ele, afirmando que o refinamento acaba tirando fibras e vitaminas dos alimentos. Essa carência de nutrientes, segundo ele, provocam stress, doenças, depressão, insônia e obesidade. 

“A maioria das doenças tem relação com a má alimentação”, afirma ao mesmo tempo em que recomenda uma dieta equilibrada, evitando-se produtos como salsichas, carne vermelha, café, açúcar branco, apimentados, defumados e industrializados em geral. Por outro lado, vê o mercado dos produtos naturais em expansão. E um aumento de conscientização sobre alimentação, fundamental “para se viver com felicidade e saúde”, finaliza.
←  Anterior Proxima  → Inicio

Junte-se aos Amigos

Leve-me!!

Saúde Um Desafio - Sua saúde, seu bem estar!

Calcule o seu IMC

Calculadora de IMC HTML
Peso (em Kg)

Altura (em Cm)




IMC

Avaliacao do IMC


Calculadora IMC

Curta-nos no Facebook

Adicione-me no Google+

Siga-me!!

Postagens populares

Marcadores

 
▲Topo